Citroën, web 2.0 e mídia social.

Acabei de ler a B2B Magazine de Fevereiro e na seção convergência há um depoimento da gerente de marketing da Citroën Brasil, Nívea Morato:

“Hoje se fala muito em redes sociais e as pessoas procuram opiniões nesses espaços. Além de entrar no site de uma empresa para saber sobre um produto ou serviço, os internautas procuram depoimentos reais nas comunidades e blogs. A Citroën costuma monitorar essas mídias alternativa para entender a percepção do cliente sobre a marca. No ano passado criamos uma comunidade para convidar os clientes para nossos eventos, e estamos desenvolvendo um projeto para implementar ações no Second Life. Além disso, o nosso novo site já foi desenvolvido no conceito de Web 2.0. Acredito que essas redes virtuais são importantes tanto para colher informações quanto para criar novos negócios, ainda que indiretamente.”

Obviamente, depois de todo aquele quiprocó sobre o C4 Pallas e o asteróide – e também por ser um velho ranheta – me senti obrigado a enviar um e-mail para ela, que reproduzo abaixo. Isto é, na verdade, acho que enviei. Como não descobri o e-mail da nívea e nem do departamento de marketing, arrisquei 2 e-mails genéricos possíveis, com cópia para o e-mail de imprensa da companhia (imprensa@citroen.com.br) e também para dois endereços da assessoria de imprensa deles, que constava no site institucional.

E mais abaixo, os posts relacionados a Citroën e o C4 Pallas (que aliás, anda vendendo muito bem, a despeito de de eles terem me perdido – e a outros também – como futuro comprador de sedãs de luxo).

:-)

Olá, Nívea.

Vi seu depoimento na revista B2B Fevereiro, na seção convergência, sobre mídia social (social media). A foto está bem bacana, mas o que me chamou a atenção foi que você é a diretora de marketing da Citroën do Brasil e como eu falei bastante da Citroën, em especial do C4 Pallas, no ano passado, gostaria de saber exatamente qual a sua posição e da empresa sobre a polêmica envolvendo a falsa notícia da queda do Asteróide 2 Pallas. Que repercutiu bastante, tanto positiva como negativamente, por toda a blogosfera.

Outra questão que gostaria de esclarecer é qual o conceito de web 2.0 para a Citroën, pois no texto você afirma que o site da Citroën foi criado com estes conceitos. Pelo minha concepção de web 2.0 (“Web 2.0 it’s made of people“, Jeff Jarvis, 2005), não é bem assim.

A propósito, tanto acredito que a Web 2.0 é feita de pessoas e para as pessoas, que estou tomei a liberdade de publicar este e-mail também no meu blog, para que as pessoas possam ler, debater e opinar sobre todo esse assunto. Aliás, lá você pode encontrar os vários posts que escrevi a respeito, eu uma listinha publicada em http://celsobessa.wordpress.com/2008/02/25/citroen-e-midia-social

Muito obrigado e aguardo seu retorno. Afinal, pelo que pude depreender de seu depoimento, você compartilha dessa visão da Web 2.0, ao menos em parte, e contar com sua opinião seria de inestimável valor.

‘braços

Celso Bessa

Post relacionados a Citroën, C4 Pallas e a campanha Asteróide 2 Pallas

Post-It: Campanha de lançamento do livro Cabeça Tubarão no Omelete

Rapidinho.

A campanha mencionada no último post – com características de viral, ARG e integrada ao conteúdo do site Omelete – tratava-se do lançamento do livro Cabeça Tubarão, de Steven Hall.

Me sinto meio ambíguo em relação a campanha.

Por um lado, achei muito bacana (especialmente por ter sido um dos ganhadores), bem executada e integrada, embora eu estivesse esperando mais do final.

Por outro, me questiono:

Condenei aquela campanha de lançamento do Citroën C4 Pallas por sua integração sem limite ao conteúdo de portal informativo – aquela infame notícia sobre a queda do asteróide 2Pallas. Será que, com esta campanha de lançamento do livro Cabeça Tubarão, o Omelete, que para mim é referência de qualidade em jornalismo sobre entretenimento, não comete o mesmo “pecado” e coloca em xeque a imparcialidade da resenha sobre o livro, já que o mesmo site também foi o veículo de propaganda?

PS: Adorei a capa do livro, tanto na versão gringa quanto na versão brasileira.

Post-It: Mais ironia entre o anúncio e conteúdo do site

Está lá no Blue Bus, hoje:

Noticia do Kiefer Sutherland dirigindo alcoolizado ao lado do banner do C4

Mais um ironia, lembrando a que publiquei ontem, da Sony Pictures anunciando o DVD Duplo do Homem-Aranha no site de torrents ou a da Coca-Cola anunciando no Cocadaboa, que já foi alvo de ameaças pela empresa.

Essa internet …

:-)

PS: Me arrisco a dizer que o Kiefer Sutherland ter sido preso dirigindo alcoolizado é culpa da campanha do Citroën C4 Pallas, onde ele passeia por uma São Paulo vazia e tranqüila (não a aquela online, da notícia falsa sobre o choque do asteróide 2Pallas), e ao sair do carro, a cidade se mostra barulhenta e agressiva. Esqueceu que na vida real dirigir alcoolizado pode colocar a vida de outros em grande risco.